google.com, pub-5142149462024594, DIRECT, f08c47fec0942fa0 google.com, pub-5142149462024594, DIRECT, f08c47fec0942fa0
top of page

Surpresas entre as classificadas para a semi final do basquete feminino nas Olimpíadas

As norte-americanas fizeram seu dever de casa, mas outras equipes que entraram favoritas para as fases finais, foram derrotadas com jogos surpreendentes e emocionantes.

(Instagram: @fiba)


As quartas de final do basquete feminino tiveram jogos equilibrados e extremamente emocionantes, com algumas desclassificações inesperadas. 3 das 4 equipes que saíram nessa fase eram cotadas para vencerem seus jogos.


China x Sérvia


As chinesas estavam 100% na competição e foram uma das melhores equipes na fase de grupos, liderando o grupo C. Já a Sérvia se classificou em segundo no grupo A, com 2 vitórias e 1 derrota. Sendo assim, a China era mais favorita para vencer, porém aconteceu a primeira surpresa da rodada, e as servias venceram o jogo por 77 a 70.


Com a vitória, a Sérvia se classificou para as semi-finais do torneio e desclassificaram a China. O jogo foi parelho do início ao fim. Começou equilibrado, terminando o primeiro tempo com apenas 2 pontos de diferença. No terceiro quarto, a China chegou a passar a frente do placar e até abriram 9 pontos de vantagem, mas com um último período de 28-12, a Sérvia virou e saiu com a vitória.


Pela Sérvia, Jelena Brooks se destacou fazendo 17 pontos, além de Ana Dabovic, com 13 pontos, 6 assistências e 3 roubos de bola. Pelas chinesas, Ting Shao fez 17 pontos e Xu Han fez 15.

(Instagram: @fiba)


Austrália x Estados Unidos


As australianas não tiveram poder de fogo suficiente para parar os Estados Unidos, que ainda estão invictas no torneio e permanecem favoritas para conquistar mais uma medalha de ouro.


Depois de se classificarem na primeira colocação do grupo B, as norte-americanas venceram a Austrália que se classificaram na terceira posição do grupo C na fase de grupos. O jogo terminou 79 a 55.


A partida foi bem controlada pelos Estados Unidos, que chegaram a abrir 29 pontos de vantagem no jogo. O primeiro tempo terminou 48-27 para as norte-americanas, que apenas administraram no segundo tempo essa vantagem conquistada no primeiro. Com a vitória, apenas 2 triunfos separam o time de mais uma conquista olímpica, enquanto as australianas estão desclassificadas.


Pelos Estados Unidos, a estrela Breanna Stewart anotou 23 pontos e 80% de aproveitamento de quadra, além de Brittney Griner, com 15 pontos. Pelas australianas, Leilani Mitchell se destacou com 14 pontos.

(Instagram: @fiba)


Japão x Bélgica


No jogo mais emocionante da rodada, as donas de casa surpreenderam e venceram uma das favoritas, a Bélgica. Com a vitória, as japonesas praticamente garantiram uma medalha no torneio olímpico, enquanto as belgas foram eliminadas.


A partida foi a mais eletrizante do torneio até aqui, terminando em 86 a 85 para o Japão. As estatísticas foram praticamente iguais, uma equipe melhor que a outra em diferentes quesitos, fazendo com que o jogo fosse equilibrado. O primeiro tempo foi melhor para as japonesas, e o segundo tempo as belgas encostaram e até abriram uma boa vantagem. Mas com o jogo equilibrado como foi, nenhuma equipe se distanciou e foi assim até o final. O Japão fez uma bola de 3 pontos faltando 15 segundos para acabar, dando 1 ponto de vantagem. Na última posse de bola, a Bélgica fez uma jogada que acabou com a tentativa de 2 pontos para vencer, mas não caiu, e o tempo acabou.


Yuki Miyazawa fez 21 pontos, contou com a ajuda de Maki Takada com 19 pontos. Pela Bélgica, a estrela Emma Meesseman fez 25 pontos e Kim Mestdagh anotou 24, porém não foi o suficiente para a classificação. Ao final do jogo, as belgas sentiram muito a derrota e praticamente todas as jogadoras choraram no banco.

(Instagram: @japan_basketball)


Espanha x França


Pelo último jogo dessas quartas de final, contamos outra vez com momentos emocionantes e um resultado final surpreendente. A França venceu a Espanha por 67 a 64 e avançou na competição. As espanholas, favoritas para conseguir ao menos uma medalha, caem antes do esperado.


Apesar do resultado ter sido apertado, a França controlou bem a partida, sendo que ficou quase todo o tempo na liderança. O aproveitamento de quadra da Espanha foi mais baixo e o jogo não encaixou na partida, convertendo apenas 34% dos seus arremessos de quadra, contra 49% das francesas. Mas contaram com os rebotes ofensivos para manter o placar próximo, pegando mais que o triplo de rebotes, 17 a 5. Pela França, Duchet e Williams converteram 1 lance livre cada para dar 3 pontos de vantagem faltando 11 segundos. Na última jogada, a Espanha tentou uma bola de 3 para empatar, mas erraram, e o tempo não foi o suficiente para conseguirem alcançar as francesas.


Marine Johannes fez 18 pontos no jogo e Astou Ndour fez 16. Com isso, a França nas modalidades masculino e feminino passaram para as semi-finais e a Espanha está eliminada nas duas modalidades.

(Instagram: @equipedefrancebasket)


Após a rodada, os confrontos da a semi-final do torneio são:


Estados Unidos x Sérvia

França x Japão














15 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page