google.com, pub-5142149462024594, DIRECT, f08c47fec0942fa0 google.com, pub-5142149462024594, DIRECT, f08c47fec0942fa0
top of page

Segunda rodada do basquete feminino define classificações antecipadas

A rodada foi disputada em 3 dias diferentes, e já estão sendo definidas as equipes classificadas para as fases finais das Olimpíadas de Tóquio.

(Instagram: @fiba)


Rodada 2

Canadá x Coréia do Sul


A seleção canadense se recuperou da derrota na estreia das Olimpíadas e venceu a equipe sul-coreana por 74 a 53. As asiáticas ainda não venceram na competição.


As canadenses venceram todos os quartos do jogo, terminaram com uma liderança de 21 pontos de diferença e deram uma resposta, mostrando que tem condições de lutar por lugares maiores em Tóquio. A partida foi marcada pela diferença de rebotes da equipe canadense, foram 54 rebotes contra apenas 32 das adversárias, e dominaram o garrafão. Além disso, não ficaram atrás do placar em nenhum momento do confronto.


Bridget Carleton foi a cestinha do jogo, com 18 pontos, e contou com a ajuda de Natalie Achonwa, que fez 14 pontos e pegou 3 rebotes ofensivos. Pela Coréia do Sul, Ji Su Park anotou 15 pontos.


Na última rodada da fase de grupos, o Canadá vai enfrentar a Espanha e a Coréia do Sul pegará a Sérvia.

(Instagram: @canadabasketball)


Espanha x Sérvia


A Espanha já está praticamente classificada para as quartas de final do torneio. Venceu o primeiro jogo, e venceu a Sérvia por 85 a 70, em um jogo disputado e definido no último quarto.


Desde o começo foram trocas de cestas, e a maior liderança no jogo inteiro foi conquistada apenas no final. Ambas as equipes tiveram uma boa rotação, sendo que 4 jogadoras de cada time fizeram dígitos duplos de pontuação. Com o resultado, a Sérvia precisa apenas de uma vitória no próximo jogo para se classificar para a próxima fase.


Alba Torrens fez 25 pontos e Astou Ndour fez 20 pontos, as duas principais jogadoras do time, sempre correspondendo. Pela Sérvia, Jelena Brooks fez um bom jogo, com 16 pontos.


Na última rodada da fase de grupos, a Espanha vai enfrentar o Canadá e a Sérvia pegará a Coréia do Sul.

(Instagram: @baloncestoesp)


Bélgica x Porto Rico


A Bélgica se classificou para as quartas de final e vai decidir contra a China a primeira colocação do Grupo C, na próxima rodada. Venceu a vulnerável equipe porto-riquenha por 87 a 52.


Foi um jogo tranquilo e totalmente controlado pelas belgas. Ficaram praticamente o jogo todo na frente e tiveram superioridade em quase todos quesitos. Foram 28 a 11 em assistências, 54 a 33 em rebotes e a maior vantagem no jogo de 38 pontos. Porto Rico ainda tem chances de se classificar, mas precisa vencer e contar com uma combinação de resultados dos outros grupos.


O destaque da Bélgica foi novamente Emma Meesseman, que fez números absurdos, anotando um duplo-duplo de 26 pontos, 15 rebotes e 6 assistências, além de Hanne Mestdagh, com 18 pontos e acertou 6 de 9 arremessos de 3 pontos. Por Porto Rico, quem se destacou foi Jazmon Gwathmey, com 20 pontos.


Na última rodada da fase de grupos, a Bélgica vai enfrentar a China e Porto Rico pegará a Austrália.

Por: Brian Snyder / Reuters


Estados Unidos x Japão


A seleção norte-americana é outra que praticamente garantiu sua vaga nas quartas de final, a equipe está 100% na competição e venceu o Japão por 86 a 69.


Com um ótimo aproveitamento de quadra de 54% no total, sendo 43% de bolas de 3 pontos, as meninas dos Estados Unidos foram pra cima das donas de casa, estas que haviam vencido bem a França na estreia. Foram 20 pontos de vantagem em determinada parte do jogo, além de terem ficado praticamente o jogo inteiro na frente.


Novamente A'ja Wilson detonou e fez um duplo-duplo com 20 pontos, 10 rebotes e 3 tocos. Breanna Stewart e Brittney Griner ajudaram fazendo 15 pontos cada. Para as japonesas, Maki Takada se destacou com 15 pontos.


Na última rodada da fase de grupos, os Estados Unidos vão enfrentar a França e o Japão pegará a Nigéria.

(Instagram: @fiba)


França x Nigéria


As francesas vencem a primeira nas Olimpíadas, batendo as nigerianas por 87 a 62 e tem boas chances de classificação para as fases finais.


Após a derrota na estreia, a França se recuperou e fez um bom jogo diante da Nigéria, que ainda não venceu no torneio. O jogo teve o domínio da equipe europeia, que chegou a abrir 31 pontos na liderança, e sempre ficou à frente do placar. Além disso, o aproveitamento de quadra foi excelente, ultrapassando os 42% em arremessos de 3 pontos e 55% de 2 pontos.


Pela França, 5 jogadoras fizeram pelo menos 13 pontos e combinaram para 66 dos 87 pontos da equipe, dando destaque para Gabby Williams, que além dos 13 pontos, pegou 3 rebotes ofensivos. Pela Nigéria, quem fez mais pontos foi Promise Amukamara, com 11.


Na última rodada da fase de grupos, a França vai enfrentar os Estados Unidos e a Nigéria pegará o Japão.

(Instagram: @equipedefrancebasket)


China x Austrália


De fato, o jogo mais emocionante da rodada. A China vence a Austrália por 76 a 74 e se mantém invicta nas Olimpíadas, e as australianas seguem sem vencer, mas ainda com chances de classificação.


As chinesas conseguiram uma grande vitória nos segundos finais, Yeru Li cobrou e converteu os dois lances livres que decretaram o triunfo das asiáticas. O confronto foi parelho até o fim, mesmo a China ficando quase todo o tempo na frente. Cada equipe ganhou 2 quartos, tiveram números próximos de aproveitamento de quadra (43% a 39%) e o jogo foi decidido nos detalhes.


Além de Yeru Li, que fez os lances livres mais decisivos do jogo, Siyu Wang foi o destaque e cestinha da partida, com 20 pontos. Pelas australianas, novamente Ezi Magbegor se destacou, fazendo 15 pontos.


Na última rodada da fase de grupos, a China vai enfrentar a Bélgica e a Austrália pegará Porto Rico.

Por: Brian Snyder / Reuters









13 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page