google.com, pub-5142149462024594, DIRECT, f08c47fec0942fa0 google.com, pub-5142149462024594, DIRECT, f08c47fec0942fa0
top of page

Praia Clube x Sesi Bauru: Tudo que você precisa saber sobre o confronto desta quarta-feira (28)!

Mesmo em posições próximas na tabela de classificação, o time de Uberlândia tem uma vantagem de sete pontos a mais do que a equipe paulista.


Divulgação/Dimensão Esportiva

Entrando de vez na reta final da disputa na fase de classificação da Superliga Feminina 2023/2024, o Praia Clube recebe o Sesi Bauru, em Uberlândia, região do Triângulo Mineiro, nesta quarta-feira (28). A bola sobe às 18h30, na Arena Dentil. O Dimensão Esportiva vai transmitir o jogo - que é válido pela 18ª rodada da competição - a partir das 18h.


As duas equipes já se enfrentaram pelo principal torneio nacional de voleibol. A partida ocorreu na Arena Paulo Skaf, em Bauru, no interior de São Paulo, em dez de novembro de 2023. O Sesi, jogando em seus domínios, impôs o fator casa sobre o Praia Clube e derrotou o time mineiro por 3 a 0 (25-23/25-19/25-16).


COMO CHEGA O PRAIA CLUBE?


A equipe do Triângulo Mineiro vem de excelente momento na Superliga Feminina. Na última rodada, o Praia não tomou conhecimento do Esporte Clube Pinheiros - penúltimo colocado na tabela de classificação - e venceu as donas da casa, por 3 a 0, em pleno Ginásio Henrique Villaboim. As parciais do jogo ficaram 25-16, 25-20 e 25-15. As meninas do Praia estão na terceira colocação, com 38 pontos, mesma pontuação do Minas Tênis Clube.


A equipe comandada por Paulo Coco, que também integra a comissão técnica da Seleção Brasileira Feminina, chega à 18ª rodada com uma sequência extremamente positiva. São sete vitórias consecutivas. Além do Pinheiros, o Praia venceu o Minas, o São Caetano, o Bluvolei, o Brasília, o Maringá e o Barueri. A última derrota foi diante do Osasco, em dez de janeiro de 2024, em Uberlândia, por 3X1.


Um dos grandes destaques do Praia na temporada até aqui é a central Adenízia. No que diz respeito aos bloqueios, ela é a melhor nos bloqueios vencedores, com 55 e nos bloqueios vencedores por sets, 1,12 (55/49). Já no quesito saque, a ponteira-passadora russa Sofya Kuznetsova é referência do time mineiro. Ela é quarta melhor sacadora em aces, com 20 e a quinta melhor em aces por sets, 0,34 (20/58).


COMO CHEGA O SESI BAURU?


Ao contrário do adversário de logo mais, o Sesi não atravessa uma boa fase. A equipe paulista vem de derrota, em casa, para a equipe do Minas, por 3 a 1. As parciais foram 26-24, 25-18, 25-19 e 25-19. Na tabela, o time de Bauru soma apenas 28 pontos, em nove vitórias e oito derrotas. A diferença entre a agremiação paulista para o clube da Rua da Bahia e o próprio Praia é de dez pontos.


Comandas por Marcos Miranda, a má fase tem se estendido além do esperado e ainda diante de uma sequência complicada. Isso porque nas últimas cinco rodadas da Superliga Feminina, o Sesi Bauru foi derrotado em quatro jogos. Além do Minas, elas foram superadas por Osasco - que vem de nove vitórias consecutivas após derrotar o Fluminense - para o Flamengo, atual líder do torneio, e Fluminense. A última vitória do São Caetano, lanterna da competição, por 3 a 0.


Além de contar com uma das levantadoras mais experientes do voleibol mundial, Dani Lins, o Sesi conta com ótimos números no quesito bloqueio com a central Mayany, que já teve passagens pela Seleção Brasileira Feminina. Ela é a quarta melhor bloqueadora da competição, com 53 bloqueios vencedores. Outro destaque é a oposta Edinara, ex-Pinheiros. A jogadora é a nona maior pontuadora do torneio, com 243 pontos anotados.


TRANSMISSÃO:

Dimensão Esportiva



Narração: Pedro Canela

Comentários: Lucas Assis e Maria Luiza Mendes


OUTROS MEIOS:

TV Fechada: SporTV

6 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page