google.com, pub-5142149462024594, DIRECT, f08c47fec0942fa0 google.com, pub-5142149462024594, DIRECT, f08c47fec0942fa0
top of page

Giro NFL #8 - Fim da novela Hopkins, Tyreek Hill promete 2,000 jardas e mais

Esta é a oitava edição do Giro NFL no Dimensão Esportiva, uma coluna semanal (toda segunda-feira) que traz as principais notícias do fim de semana no mundo da NFL. Hoje com notícias sobre a contratação de DeAndre Hopkins pelos Titans, reestruturação de contrato de Joe Mixon com os Bengals e as promessas de Tyreek Hill para a próxima temporada.

DeAndre Hopkins Tennessee Titans
Imagem: Reprodução/Arrowhead Pride

Acabou! DeAndre Hopkins assina com os Titans

Finalmente DeAndre Hopkins colocou um ponto final na tão longa e demorada novela para a escolha de uma nova equipe e, sendo bem sincero, achei um exagero fazer essa epopéia para terminar jogando pelo Tennessee Titans. Hopkins havia dito que buscava uma equipe competitiva e que brigará por títulos… eu conto ou vocês contam?


Enfim, Ian Rapoport informou que o contrato é de dois anos, no valor de 26 milhões de dólares. Somando os possíveis bônus e incentivos, o acordo tem potencial para alcançar os 36 milhões. A saída de A.J. Brown deixou uma enorme lacuna no corpo de recebedores dos Titans, Hopkins será uma reposição imediata (não necessariamente do mesmo calibre).


Pelo lado de Tennessee, é uma contratação boa que sem dúvidas agregará valor ao elenco ofensivo da equipe. Contudo, imagino que eles saibam que Hopkins entrou em campo em apenas 19 jogos nos últimos 2 anos e que ele possui 31 anos de idade. São pontos a se prestar atenção.


Joe Mixon reestrutura seu contrato

Os Bengals sabem que, daqui a pouco uma conta bastante salgada chegará em suas mãos e se eles não quiserem pagar, tem quem pague. Essa conta chama-se Joe Burrow e Ja’Marr Chase, que em breve terão que renovar seus contratos e acredito que Cincinnati não gostaria de perdê-los. Além disso, houve a contratação de Orlando Brown nesta offseason,que pesou no bolso de Mike Brown.


Para começar a abrir espaço na folha salarial, a equipe reestruturou o contrato do running back Joe Mixon. Cortá-lo do time teria um impacto de 7 milhões de dólares e, se fosse após o dia primeiro de junho, passaria dos 10. O contrato que Mixon assinou em 2020 era de 4 anos no valor de 48 milhões, sendo um dos cinco running backs mais bem pagos da liga. Segundo Tom Pelissero, o novo acordo entre os Bengals e Joe Mixon estende em mais um ano a estadia do running back com a equipe. Além disso, seu custo para a temporada 2023 ficou em $10.1 milhões, o mesmo valor de cortá-lo. Um bom negócio.


Promessas de Tyreek Hill

Tyreek Hill aparenta estar bastante confiante para a temporada que está por vir. O wide receiver prometeu atingir a marca de 2.000 jardas em uma temporada. Essa é uma promessa bastante alta. Nenhum jogador na história da NFL conseguiu tal feito. E Hill não parou por aí, ainda emendou a essa promessa um título de Super Bowl.


“Nós vamos conseguir isso. Acredite!”

Em 2022, Tyreek Hill chegou perto da marca das 2.000 jardas, acumulando 1,710 jardas em 119 recepções. Os Dolphins tiveram o quarto melhor ataque em passes da temporada, com média de 265.4 jardas por partida. O recorde de mais jardas por um wide receiver na história da NFL é de Calvin Johnson, o Megatron, que com o Detroit Lions em 2012, atingiu 1.964. Será que Hill consegue superá-lo?


*As opiniões aqui emitidas são de total responsabilidade de seus autores e não necessariamente refletem a opinião do Dimensão Esportiva.


13 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page