google.com, pub-5142149462024594, DIRECT, f08c47fec0942fa0 google.com, pub-5142149462024594, DIRECT, f08c47fec0942fa0
top of page

Flamengo x Fluminense: Tudo o que você precisa saber sobre o clássico na Superliga Feminina!

Embalado e com uma grande sequência de vitórias, o time rubro-negro quer cada vez mais se firmar na liderança. A equipe tricolor busca garantir sua vaga à fase decisiva


Divulgação/Dimensão Esportiva

Com expectativa do ginásio do Maracanãzinho lotado na noite desta sexta-feira (16), Sesc-Flamengo e Fluminense se enfrentam às 21h, pela 16ª rodada da Superliga Feminina de Vôlei. O Dimensão Esportiva vai transmitir esse grande clássico a partir das 20h30.


As duas equipes já se enfrentaram quatro vezes na atual temporada, a 2023/2024. Três delas foram durante o Campeonato Carioca e o Flamengo saiu vitorioso em todos os jogos, com o mesmo placar, 3 a 0, incluindo a final do torneio. Pela Superliga, no primeiro turno, confronto da 5ª rodada, as rubro-negras foram até o ginásio da Hebraica, no Rio de Janeiro, e venceram por 3 a 1 (27-29/25-15/25-22/25-20).



COMO CHEGA O SESC-FLAMENGO?


Lideradas por Bernardinho, as jogadoras do Sesc-Flamengo têm protagonizado a temporada do vôlei feminino brasileiro até aqui. Com apenas uma derrota em 15 rodadas disputadas, a força do conjunto rubro-negro é o grande trunfo dessa equipe, com atletas performando em alto nível.


Em termos ofensivos, duas centrais da equipe estão entre as cinco melhores em termos de aproveitamento de ataque. Juciely lidera o quesito, com 55% (88/159). Valquíria aparece na quarta posição, com 54% (87/162). Além disso, a ponteira estadunidense Veronica Perry se coloca na quarta colocação entre as maiores pontuadoras do torneio, com 252 acertos.


No quesito passe, o grande destaque do Flamengo é Michelle Pavão. A jogadora rubro-negra tem aproveitamento idêntico à libero e medalhista de prata em Tóquio 2020, Camila Brait, ambas com 64% de recepções positivas. Tal fator tem contribuído bastante para a fluidez do jogo da levantadora canadense, Brie King. COMO CHEGA O FLUMINENSE?


Ocupando a sexta posição com 25 pontos conquistados, o Fluminense quer manter o momento positivo após a vitória por 3 a 0, fora de casa, contra o lanterna da Superliga, o São Caetano, na última quarta-feira (7/2). Nas últimas cinco partidas pela competição, a equipe tricolor venceu três e perdeu duas.


Com um ataque capitaneado pela ponteira sérvia, Aleksandra Uzelac, o Fluminense tentará quebrar a grande sequência de seu rival. A atacante do Flu é a líder em todos os quesitos ofensivos como maior pontuadora no geral (309 acertos), maior pontuadora em pontos por set (5,42), melhor sacadora (25 aces) e melhor sacadora em aces por set (0,44).


Como passadora, função importante para as ponteiras, Uzelac ainda aparece no top 10 da positividade nas recepções. Ela é a sétima melhor, com 61% de aproveitamento, até mesmo à frente da líbero da seleção brasileira e do Gerdau Minas, Nyeme. Ainda sobre o passe, o Fluminense conta com a melhor no quesito até aqui na Superliga Feminina, a ponteira Pietra tem 68% de aproveitamento.



TRANSMISSÃO:

Dimensão Esportiva

Narração: Henrique Santa Helena

Comentários: Mariana Guiciard e Alex Villar



Outros Meios:

TV Fechada: SporTV.

6 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page