google.com, pub-5142149462024594, DIRECT, f08c47fec0942fa0 google.com, pub-5142149462024594, DIRECT, f08c47fec0942fa0
top of page

Em jogo marcado por grandes atuações dos goleiros, Arsenal vence o Newcastle pela Premier League

Foto: Divulgação Instagram/Arsenal.

Newcastle e Arsenal se enfrentaram nesse domingo (07), no Saint James' Park, em Newcastle, Inglaterra, pela 35° rodada da Premier League.


O Newcastle começou melhor o jogo, nos primeiros minutos, colocou uma bola na trave e quase teve um pênalti, mas o VAR voltou a decisão de campo.


Entretanto, aos treze minutos de jogo, Martin Ødegaard abriu o placar para o Arsenal, em chute de fora da área, que é característico dele.


A partir daí, o jogo mudou. O Arsenal pressionou por alguns minutos e, depois, o Newcastle se recuperou do baque sofrido pelo gol e o jogo virou uma trocação digna de Premier League, e os dois goleiros tiveram muito trabalho para evitar que outros gols saíssem.


E, de novo, no segundo tempo, o Newcastle começou em cima e colocando bola na trave, e o Arsenal, rapidamente, respondeu, com Gabriel Martinelli chutando no travessão. O jogo seguiu frenético até o final.


Aos 25 minutos, Gabriel Jesus deu um passe vertical para o seu xará, Martinelli, ele partiu em velocidade, driblou a marcação e cruzou para trás, rasteiro, mas não tinha ninguém do Arsenal para completar, e Fabian Schär, tentando afastar, acabou marcando, contra, o segundo gol do Arsenal, que fechou o placar.


Foto: Divulgação Instagram/Arsenal

DESTAQUES INDIVIDUAIS:


Nick Pope: Fez grandes defesas muito importantes.


Kieran Tripier: Criou chances perigosas nas bolas paradas.


Fabian Schär: Fez um gol contra.


Bruno Guimarães: Muito bom jogo, se apresentou bem ao ataque.


Alexander Isak: Melhor jogador do Newcastle. Criou muitas oportunidades.


Aaron Ramsdale: Salvou algumas oportunidades do Newcastle empatar o jogo.


Jorginho e Granit Xhaka: Muito bem na armação e na marcação dos Gunners.


Martin Ødegaard: The Best. Marcou um golaço de fora da área e criou íntegras outras chances para tanto ele, quanto seus companheiros ampliarem o marcador.


Foto: Divulgação Instagram/Arsenal

Gabriel Jesus: Não foi bem na primeira etapa, mas fez um grande segundo tempo e deu o passe para Martinelli, que deu início à jogada do segundo gol.


Gabriel Martinelli: Jogador mais participativo do ataque do Arsenal, fez o cruzamento que Fabian Schär cortou errado para dentro do gol.


TATIQUÊS:


Newcastle: Jogou no 4-2-3-1, com contra-ataques rápidos, e muita verticalidade no ataque.


Arsenal: Jogou no 4-2-3-1, com contra-ataques rápidos, algum trabalho de bola no meio e ataques diretos.



4 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page