google.com, pub-5142149462024594, DIRECT, f08c47fec0942fa0 google.com, pub-5142149462024594, DIRECT, f08c47fec0942fa0
top of page

Dimensão na Mídia #02 - Manchete estreia equipe, Onefootball renova com Bundes e muito mais!

*Escrita por Rui Guilherme Filho, com contribuição de Susana Hernandes, Tiago Lima e Hugo Rocha.


Anúncio de Flamengo X Grêmio que terá a estreia da equipe esportiva da Nova Rádio Manchete nesta quarta-feira. Foto: Divulgação/Instagram Rádio Manchete Rio.

Olá a todos, o fim de semana foi tão intenso no noticiário da mídia esportiva, que resolvi antecipar a segunda edição do Dimensão na Mídia para esta segunda-feira, mas fica tranquilo que a edição de sexta está de pé, beleza? Na coluna de hoje, vamos falar da nova equipe esportiva da Rádio Manchete que ganha um reforço de peso, Onefootball renovando com a Bundesliga, Bandsports finalmente transmitindo Série D e muitos outros assuntos. Fique com a gente!



ACONTECEU, VIROU MANCHETE I


Depois de um mês no ar, a nova Rádio Manchete AM do Rio de Janeiro reinicia as suas transmissões de jornadas esportivas na próxima quarta-feira (16) com Flamengo X Grêmio, volta das semifinais da Copa do Brasil, direto do Maracanã, com a narração de nada mais, nada menos que Fernando Bonan, o “Juventude da Serra”.


Natural de Nova Friburgo, Bonan iniciou sua carreira na Rádio Friburgo AM, quando foi descoberto por comunicadores da capital, que o levaram para ser uma das principais vozes da Rádio Globo. Além da Globo, Bonan também narrou pela filial carioca da Rede Transamérica, até que depois, voltou para a região serrana, para cuidar da família. A contratação de Bonan foi anunciada pela Manchete na última quinta-feira (10).



ACONTECEU, VIROU MANCHETE II


Durante uma entrevista de Bonan ao programa “Conexão no ar”, o titular da atração e CEO da Manchete, Raphael de França, anunciou algumas novidades acerca da primeira jornada esportiva da nova fase da rádio dos Bloch. A primeira delas é que a narração de Flamengo X Grêmio será in loco do Maraca e o pré-jogo iniciará às 20h.


Além da narração de Fernando Bonan, a equipe também é composta por Bruno Torelli e Luciana Campos nos comentários e Cassiano Carvalho e André Luís nas reportagens, além de Wilson Pimentel como mestre de cerimônias. Em nome de toda a equipe do DE, nosso desejo de boa sorte e sucesso a equipe “Apaixonados por Futebol”, que seja a primeira de muitas jornadas! Quanto mais equipes, mais empregos gerados e mais opções para o público! Viva a comunicação esportiva!



RENOVAÇÃO


Na primeira edição desta humilde coluna, informei sobre a chegada da CazéTV a transmissão da Bundesliga 2023/2024. Pois bem, segundo o jornalista Gabriel Vaquer, da Folha, O Onefootball, que transmitiu o campeonato até a temporada passada, renovou com os alemães até 2026. E não é só isso, a Série B alemã também terá transmissão do portal e está inclusa no contrato.



“SUA ELIMINAÇÃO É A NOSSA ALEGRIA”


Enquanto os flamenguistas lamentam a eliminação vergonhosa da Copa Libertadores, a primeira do retorno da “mamãe globo”, quem tem o que comemorar é a ESPN, pois o jogo que sacramentou o insucesso do urubu carioca, sacramentou também a maior audiência da TV Paga de 2023. Segundo Gabriel Vaquer, a disputa contra o Olimpia, no Paraguai, deu ao canal do Mickey 13.5 pontos no Painel Nacional de Televisão, deixando as concorrentes do segmento no chinelo. Parabéns a todos!



RESPEITA AS MINA (DE PASSE)!


E por falar em festa na ESPN, o programa “Mina de Passe” comemorou nesta sexta-feira (11) 1 ano no ar. Baseado no “Linha de Passe”, tradicionalíssimo programa da casa, o “Mina” foi criado para debater as notícias do Futebol Feminino com as jornalistas e comentaristas do canal, tendo como titular, a primeira narradora da TV Brasileira, Luciana Mariano. Só nesse meio tempo na programação, a mesa redonda já faturou 2 prêmios e já alcançou mais de 1 milhão de pessoas somente esse ano, segundo o portal Torcedores.com. Parabéns às meninas e vida longa!



NOVIDADES NA BAND I


Aproveitando que falamos de Fut Fem, a Band fechou com a Conmebol e vai transmitir novamente esse ano a Copa Libertadores Feminina através do seu canal pago, o BandSports. A versão feminina do campeonato da “Glória Eterna” tem como atual campeão, o Palmeiras, e acontecerá entre os dias 5 e 21 de Outubro.



NOVIDADES NA BAND II


Depois de tanta confusão com a EBC, dona da TV Brasil, finalmente o BandSports entrará na Série D do Brasileirão de 2023. O canal esportivo dos Saad passará a transmitir as semifinais e a final da competição. As informações dos dois tópicos foram do jornalista Flávio Ricco, do Portal R7.


E a melhor parte do bolo que é o recheio (As definições de quem vai subir para a Série C) a Band não pegará, como diria o nosso narrador, Igor Mendes: “Intankável”....



RÁPIDAS


  • Em sua primeira transmissão da Liga Saudita, o Canal GOAT conseguiu um número bem expressivo. A partida entre Al Ahli Saudi X Al Hazm, deu ao canal 353 Mil visualizações em sua live. O jogo terminou em 3 a 1 para os saudis. Nada mal…


  • Depois de um longo e tenebroso inverno, a Band transmitiu um jogo do Botafogo para a região de Ribeirão Preto. A partida foi com a Ponte Preta que terminou em 0 a 0. Falta a TV Clube agregar um pouco o valor da contribuição histórica a rede e transmitir mais para a macrorregião…


  • Estive ouvindo as últimas transmissões feitas pela Rádio Liberal FM, de Belém do Pará, e pude entender o sucesso que estão fazendo nos últimos meses. Uma equipe jovem e competente, escolhida a dedo pelo jornalista Abner Luiz, com bons narradores e comentaristas bem pontuais. Parabéns a equipe! Honrando com louvor a história da eterna “Equipe Legal”.


  • Você, querido leitor, fique de olho em 3 narradores: André Araújo e Luizinho Moura, da Rádio Liberal, e Luciana Zogaib, da Rádio Roquette Pinto e Canal GOAT. Pelos últimos jogos que ouvi deles, esse trio tem tudo pra voar ainda! Garanto isso.


  • Uma reclamação a fazer: Série A tem TV (Globo), Série B tem TV (Band), Série D tem TV (TV Brasil e emissoras públicas) e a Série C, hein? Com todo o respeito aos colegas da Nosso Futebol e DAZN, mas é uma injustiça das brabas a terceira divisão brasileira estar fora da TV aberta nacional. Bora corrigir isso pro ano que vem, CBF?


  • Desde os meus tempos de Rádio Metró, eu sempre falei pros meus colegas para cada um ter a sua marca na comunicação e tá tudo bem, porém tenho que contestar algumas marcas, como a de Bruno Cantarelli, da Rádio Transamérica RJ e CazéTV. Bater na mesa gritando gol é original? Muito! Mas a ponto de machucar a mão e tirar a transmissão do ar é um pouco demais né? Vamos maneirar nisso? Já diria o twitteiro: “Se forçar demais…”



E é isso, turma, obrigado a todos que leram até aqui! Sexta-feira tem mais! Tchau!



*As opiniões aqui emitidas, são de total responsabilidade de seus autores e não necessariamente refletem a opinião do Dimensão Esportiva.


Comments


bottom of page