google.com, pub-5142149462024594, DIRECT, f08c47fec0942fa0 google.com, pub-5142149462024594, DIRECT, f08c47fec0942fa0
top of page

Chicago Bulls x Boston Celtics: Tudo o que você precisa saber

No próximo sábado (23) acontecerá a partida entre Chicago Bulls e Boston Celtics, válida pela temporada regular da NBA. O jogo acontecerá no United Center e você acompanha tudo no DE, à partir de 20h45 (Horário de Brasília).



FOTO: USA TODAY Sports/Paul Rutherford


O jogo acontecerá no United Center, casa do Chicago Bulls. A equipe visitante, o Boston Celtics está só pelos playoffs, visto que já se classificou e abriu uma distância grande na tabela. Os Bulls precisam vencer para manter distância do Atlanta Hawks na tabela.



Como vem as equipes?


O Boston Celtics, liderado por Jayson Tatum, domina a Conferência Leste com 55 vitórias e apenas 14 derrotas, mantendo uma confortável vantagem de 10,5 jogos sobre o segundo colocado. Com uma série de sete vitórias consecutivas e oito triunfos nos últimos 10 confrontos, a equipe goza de uma posição privilegiada na reta final da temporada, permitindo-lhe manejar o elenco com cautela. Embora não haja indicação explícita de que jogadores serão poupados no jogo desta sexta-feira (22) contra o Detroit Pistons, essa flexibilidade estratégica pode levar à rotação do elenco tanto nesse jogo quanto nos subsequentes, visando a preservação física dos atletas para os desafios que ainda virão


O Chicago Bulls é o nono colocado do Leste e está com uma campanha de 34 vitórias e 36 derrotas. Os Bulls vem de derrota na última quinta-feira (21) para o Houston Rockets, mas o time tem seis vitórias nos últimos 10 jogos, fechando um retrospecto positivo até. Na última partida, o time de Chicago teve a volta de Coby White, que estava lesionado, mas o grande nome do time no jogo foi Ayo Dosunmu que fez 35 pontos, sendo a melhor marca dele na carreira. Chicago busca vitória para conseguir o mais breve possível, garantir sua posição para o play-in, ou até mesmo passar quem está na frente dele, mesmo sendo isso uma missão mais complicada.



O que esperar desse jogo?


São dois times em situações muito diferentes. Enquanto os Celtics são o time mais consistente da liga nessa temporada regular, os Bulls encontram maior dificuldade para achar a consistência necessária para o time. O Boston Celtics é o primeiro da liga em Offensive Rating, que calcula os pontos convertidos a cada 100 posses, com 124, o segundo da liga em Defensive Rating, que calcula os pontos cedidos a cada 100 posses, com 112.2, o que dá ao time o melhor Net Rating, diferença entre Off Rtg e Def Rtg, da liga, com 11.8. Os Celtics também tem a segunda melhor média de pontos por jogo, o segundo melhor aproveitamento dos três pontos, o primeiro na média de rebotes por jogo e o segundo com a menor média de Turnovers, perdas de posse, por jogo, além de 26,6 assistências por partida. Esses números mostram como o time tem um forte e eficaz jogo coletivo.


O Chicago Bulls é o terceiro time com a menor média de Turnovers por jogo, com 12,3, o que mostra que o time tem coesão para passar a bola, mas isso não necessariamente reflete a quantidade de assistências, gerando menos jogadas forçadas no ataque. O oitavo na média de rebotes ofensivos por jogo, com 32,4, mostrando que também sabe jogar de forma física. Os Bulls também estão em décimo segundo na média de roubos de bola por jogo, com 4,8, o que mais uma vez aponta a fisicalidade do time. Os dois times não são referência em posses curtas, o que sinaliza um jogo estudado no ataque, com muitos passes e também jogadas de um contra um, coisa que ambos fazem. O jogo intenso dos Bulls pode sim ser problemático para os Celtics, desde que Chicago tenha um bom aproveitamento nos arremessos para balancear melhor o jogo, que será legal de acompanhar!



Destaques dos times:


Celtics


  • Jayson Tatum está com médias de 27.1 pontos, 8.3 rebotes e 4.9 assistências por jogo. Tatum vem fazendo uma grande temporada, mostrando que ele é capaz de jogar nos dois setores da quadra, sendo consistente ao fazer as funções. Tatum tem 25 jogos de 30 ou mais pontos nessa temporada e possivelmente deve jogar a partida, pois foi poupado do jogo contra os Pistons.

  • Derrick White tem médias de 15.3 pontos, 5.1 assistências, 4.3 rebotes e 1.3 tocos por jogo. White está na melhor fase de sua carreira, sendo o jogador enérgico que sempre foi, e que evoluiu com a ajuda de Sam Cassell na comissão técnica. A média de tocos que ele tem é assombrosa para um armador, o que evidencia a intensidade que White joga sempre, além de que ele também evoluiu arremessando do perímetro, estando com 40.2% de aproveitamento, o que é mais uma virtude do trabalho de Cassell. Como existe a possibilidade de Jaylen Brown não jogar na partida, fica o destaque para White e sua grande temporada.

  • Payton Pritchard está com médias de 8.4 pontos, 3.2 rebotes e 2.9 assistências por jogo. Pritchard ganhou destaque nesse últimos jogos, com a ausência de Jrue Holiday, que deu titularidade para Prit nos últimos três jogos. Nas últimas 10 partidas, PP teve médias de 11.1 pontos, 4.2 assistências e 3.9 rebotes por jogo além de ter também, um aproveitamento de 44.7% na bola tripla, o que justifica o destaque ao jogador.


Bulls


  • Nikola Vucevic tem médias de 18.2 pontos, 10.7 rebotes e 3.3 assistências por jogo. Vooch é o principal nome do garrafão de Chicago, e ele teve três duplos-duplos nos últimos cinco jogos. No último jogo, Vucevic não só fez duplo-duplo, como teve seis assistências, mostrando uma capacidade de criar jogadas que ele tem, algo que é característico de jogadores do basquete FIBA, por onde ele passou antes de ingressar na NBA. Vooch será importante para jogar contra Kristaps Porzingis ou Al Horford no garrafão, não há uma clara resposta para quem será o titular de Boston no jogo, mas sem dúvidas o jogo dos Bulls passará pelas mãos de Vucevic.

  • Coby White tem médias de 19.4 pontos, 5.2 assistências e 4.7 rebotes por jogo. Coby certamente evoluiu muito bem nessa temporada e merece ser enaltecido por isso. White tem 32 jogos de 20 ou mais pontos na temporada, mas veio de um jogo mais apagado contra Houston, porém, ele voltou de lesão nesse jogo, o que pode justificar a partida que fez. Ele arremessa bastante nesse ataque de Chicago, podendo ser um problema para a defesa de perímetro de Boston.

  • Ayo Dosunmu está com médias de 11.8 pontos, 3.1 assistências e 2.8 rebotes por jogo, além de estar arremessando para 40.3% da bola tripla. Dosunmu vem numa sequência fantástica de jogos, sendo muito produtivo para o ataque de Chicago. Nos últimos três jogos, foram médias de: 30.7 pontos, sete assistências e dois rebotes por jogo. Dosunmu também teve 57.9% de aproveitamento na bola de três, nestes mesmos três jogos. O jogador mostra evolução e que é capaz de ser um grande scorer para o time.



Lesionados para o jogo (até a publicação do texto):


Bulls

  • Coby White (lesão no quadril- Provável)

  • Alex Caruso (lesão no tornozelo- Questionável)

  • Julian Phillips (lesão no pé- Fora)

  • Patrick Williams (lesão no pé- Fora da temporada)

  • Zach LaVine (lesão no pé- Fora da temporada)

  • Lonzo Ball (lesão no joelho- Fora da temporada)


Celtics

  • Al Horford (lesão no dedão do pé- Questionável)

  • Jaylen Brown (descanso- Questionável)

  • Kristaps Porzingis (descanso- Questionável)

  • Jrue Holiday (lesão no ombro- Questionável)

  • Sam Hauser (lesão no tornozelo- Questionável)

  • Jayson Tatum (lesão no tornozelo- Questionável)



TRANSMISSÃO


A transmissão no canal do DE inicia a partir das 20h45, com um esquenta trazendo as primeiras informações e o jogo às 21h. Deixe seu like, comente e interaja com a nossa equipe, e claro, compartilhe e se inscreva pra ficar sempre ligado no melhor do Basquete do mundo.


Narração: Murilo Augusto.

Comentários: Pedro Augusto e Rafael Araújo.

Host: Luís Martinelli.





Outros Meios

Streaming: Vivo App e NBA League Pass.

Comments


bottom of page