google.com, pub-5142149462024594, DIRECT, f08c47fec0942fa0 google.com, pub-5142149462024594, DIRECT, f08c47fec0942fa0
top of page

Brasil x Chile: tudo sobre o último jogo da Seleção antes da Copa do Mundo Feminina



A Seleção Brasileira Feminina faz na manhã deste domingo (2) sua última partida oficial antes da viagem para a Copa do Mundo Feminina que começa no dia 20, na Austrália e Nova Zelândia. O local escolhido para a partida contra o Chile é o Estádio Mané Garrincha, que hoje se chama Arena BRB e o Dimensão Esportiva vai transmitir. Saiba quem estará na jornada e o link no fim deste post.


Além das 23 convocadas da lista de Pia Sundhage (com todas as suas polêmicas), as suplentes Angelina, Aline Gomes e Tainara estarão presentes no amistoso.


Pia fez um único treino na tarde de sábado (01), no local da partida, e recebeu a presença ilustre do Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva. Durante a atividade, de aproximadamente, uma hora, a técnica dividiu duas equipes, misturando reservas e titulares, não dando qualquer pista do time que joga o domingo.


COMO VEM O BRASIL?

A Seleção vem de dois resultados muito bons: mesmo perdendo a Finalíssima para a Inglaterra nos pênaltis, o futebol apresentado foi satisfatório; depois tem uma vitória contra a vice-campeã européia, a Alemanha.

A grande expectativa fica para as entradas em campo de Marta e Bia Zaneratto. A camisa 10 foi poupada das últimas partidas por conta da recuperação de sua lesão muscular na coxa (o que a tirou da Finalíssima), o mesmo acontece com a camisa 10 do Palmeiras e 16 da Seleção, que nos deu um susto jogando pelo Paulistão contra o São José, com dores da coxa e acabou sendo poupada nas quartas de final do Brasileirão, o que custou a classificação para as semifinais, com um empate e uma derrota para o São Paulo.

Durante o treino no Mané Garrincha, nem Marta nem Bia sentiram algum desconforto, mas, provavelmente, começam o jogo do banco de reservas.


COMO VEM O CHILE?

A La Roja não se classificou para o Mundial. Com apenas uma vitória neste ano, o Chile ocupa a 41ª posição no ranking da FIFA, com três sulamericanos à sua frente - Brasil, Colômbia e Argentina. O grupo é comandado pelo chileno José Letelier, de 57 anos, que desde 2017 trabalha com a seleção chilena. Olho na atacante Acuña, que joga no time do Bahia e na goleira Christiane Endler, que joga no Paris Saint-Germain.


PROVÁVEIS ESCALAÇÕES:


BRASIL: Lelê, Antônia, Kathellen, Rafaelle e Tamires; Luana, Ary Borges e Kerolin; Adriana, Geyse e Gabi Nunes. Técnica: Pia Sundhage.


CHILE: Christiane Endler, Guerrero, Sáez, Lara e López; Araya, Zamora e Olave; Acuña, Keefe e Grez. Técnico: José Letelier.


ARBITRAGEM:


Até o fechamento deste post, não foi divulgada a equipe de arbitragem.


TRANSMISSÃO:


Dimensão Esportiva

Início da Transmissão: 10h00

Narração: Igor Mendes

Comentários: Susana Hernandes e Luciana Vitorino


OUTROS MEIOS:

TV aberta: TV Globo

TV fechada: SporTV

Streaming: Globoplay

2 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page