google.com, pub-5142149462024594, DIRECT, f08c47fec0942fa0 google.com, pub-5142149462024594, DIRECT, f08c47fec0942fa0
top of page

Bayern de Munique atropela a Lazio por 3 a 0 e avança para as Quartas de Final da Champions League

A equipe da Baviera não tomou conhecimento da Lazio, que pouco resistiu aos incessantes ataques dos Bávaros desde o começo do jogo. O artilheiro Harry Kane foi decisivo ao abrir o placar e sacramentar a classificação marcando o terceiro gol.


Foto: Divulgação/Instagram/Bayern.

A partida entre Bayern de Munich e Lazio, desta terça-feira (05), na Allianz Arena, teve amplo domínio dos donos da casa. O Bayern não tomou conhecimento da Lazio, que até fez um jogo franco nos primeiros minutos, mas a estratégia de se defender e sair no contra-ataque não foi bem executada pelos italianos, que tomaram pressão dos Bávaros até o terceiro gol. Os alemães tiveram várias chances de perigo, e obrigaram o goleiro adversário a trabalhar bastante. Os principais jogadores do setor ofensivo do Bayern estavam com o pé calibrado, e não hesitavam em acertar belas finalizações de fora da área sempre quando tinham o mínimo de espaço e tempo.


O grande triunfo de hoje, pode ser uma virada de chave do time da Baviera, que vinha de uma crise pesada devido ao desempenho pífio nos campeonatos da casa, ficando 10 pontos atrás do incrível Bayer Leverkusen de Xabi Alonso, faltando 10 rodadas para o fim da Bundesliga. Além disso, o time também foi eliminado pelo modesto FC Sarrebrück, clube da 3ª divisão do país, na fase de 16-avos de final da DFB Pokal, a Copa da Alemanha. 



O JOGO:


Nos primeiros minutos da partida, as equipes demonstraram muita disposição e tentavam encaixar ataques rápidos após roubadas de bola, já que ambos os times erravam muito na transição do meio para o ataque, fazendo com o que o começo do jogo se tornasse frenético. Aos 5 minutos, o Bayern de Munich chega com perigo pela primeira vez, com uma finalização de Leroy Sané, dentro da área, mas que acabou saindo muito fraca, facilitando a vida do goleiro Provedel. Após os primeiros momentos de muita 'trocação', os Bávaros foram aos poucos controlando as ações da partida, tendo uma ligeira vantagem na posse de bola e construindo jogadas mais perigosas do que as da Lazio. Até os 20 minutos, o Bayern já tinha finalizado oito vezes, sendo duas no gol. 


A Lazio tentava encaixar contra-ataques rápidos, que raramente levavam perigo. O brasileiro Felipe Anderson, era o jogador que mais tentava essas jogadas em velocidade por parte da equipe italiana. Do lado do Bayern, Jamal Musiala e Harry Kane, davam trabalho para o goleiro Provedel, acertando belos chutes de fora da área que eram defendidos de forma brilhante pelo italiano. Porém, aos 36 minutos, Ciro Immobile perdeu uma chance incrível dentro da pequena área cabeceando livremente de olhos fechados a bola que passou raspando a trave. Mas como diria o saudoso Muricy Ramalho: “A bola pune”, e assim aconteceu logo em seguida.


O artilheiro da Baviera, Harry Kane, estava no lugar certo e na hora certa, como um exímio camisa 9 que é, metendo a cabeça no meio do caminho de um chute mascado de perna direita do polivalente Raphael Guerreiro. A bola morreu no canto direito do goleiro Provedel, que até antecipou a finalização parecendo até que ia defender com facilidade, mas nesse lance, acabou tendo sua única falha em meio a tantas defesas importantes.


Um pouco depois do gol, o Bayern quase fez o segundo com Musiala, que completou um cruzamento rasteiro dentro da área, a bola passou muito perto do gol. Os Bávaros não queriam parar por aí, no embalo da torcida que também merece destaque nesta partida, fizeram o segundo gol no último lance do primeiro tempo, com o ídolo do clube Thomas Muller, que completou de cabeça um belíssimo chute de primeira do zagueiro De Ligt, após a zaga da Lazio afastar mal um escanteio.


Com a classificação momentânea e um desempenho muito acima do adversário, O Bayern de Munich inicia o segundo tempo trabalhando a bola com menos velocidade e chamando a Lazio para pressionar alto, com o objetivo de gerar espaços na defesa da equipe italiana. Os Biancocelesti até tentaram marcar a saída de bola dos Bávaros, mas não chegaram a incomodá-los, e aos poucos, o Bayern voltava a ocupar a entrada da área da Lazio.


Aos 54 minutos, Musiala repete sua jogada característica de cortar da esquerda para a direita e finalizar com muita qualidade, que vai para fora levando muito perigo ao gol adversário. Aos 58, Guerreiro finaliza rasteiro e cruzado também próximo a trave, após invadir a área pela esquerda, um verdadeiro bombardeio do time historicamente conhecido e apelidado como “Rolo Compressor”. 


Aos 60, o técnico Mauricio Sarri tentou mudar o cenário do jogo fazendo três substituições ao mesmo tempo, tirando o volante Vecino e os atacantes Immobile e Zaccagni, para a entrada do também volante Cataldi, e os atacantes Isaksen e Taty Castellanos. No entanto, as alterações de nada adiantaram, porque dois minutos depois, aos 60, Harry Kane faz o segundo dele e o terceiro dos Bávaros, após pegar o rebote de uma ótima defesa de Provedel, que espalmou uma finalização difícil de Sané, foi o golpe final do tradicional Bayern de Munich.


Nos lances seguintes, os Bávaros continuaram a massacrar a equipe italiana, com Thomas Muller acertando a trave em chance cara a cara após uma bela achada de Musiala, e na sequência com Sané soltando uma bomba pra fora, mas que também assustou a Lazio. Os visitantes foram ter a primeira chance de perigo, aos 72 minutos, com o meia Luís Alberto, que finalizou de dentro da área com leve desvio da zaga e tirando tinta da trave, mas parou por aí. Dos minutos seguintes até o final da partida, o jogo não teve mais nenhuma oportunidade criada de ambas as equipes, e o Bayern administrou o resultado ficando com a bola sem resistência dos Biancocelesti. .



THE BEST E THE BESTA NOVIBET:


The Best: Kane


Abriu  o placar que iniciou o atropelo do Bayern de Munich aliviando a pressão de reverter o revés fora de casa contra a Lazio, além de acertar belos chutes de fora da área e participar de diversas jogadas ofensivas do Bayern. Harry Kane também ajudou defensivamente e na armação de jogadas, como já é de costume do craque. E para fechar com chave de ouro, fez o gol da ‘tranquilidade’, o terceiro dos Bávaros para sacramentar a classificação para as Quartas de Final da Liga dos Campeões da Europa. O inglês é o artilheiro da equipe na competição, com 6 gols em 8 jogos. 


The Besta: Immobile


O artilheiro da Lazio fez uma partida apagada na Allianz Arena e perdeu uma chance clara de gol antes do Bayern abrir o placar. Além da oportunidade perdida, o camisa 9 pouco contribuiu para as jogadas ofensivas da Lazio e perdeu duelos com facilidade. 



OUTROS DESTAQUES INDIVIDUAIS:


O volante Pavlovic, de apenas 19 anos, formado nas categorias de base do Bayern de Munich, fez uma partida brilhante com boas roubadas de bola e ótima distribuição de jogo, comandando o meio de campo dos Bávaros. Os pontas Musiala e Sané também acabaram com o jogo, armando ótimas jogadas ofensivas e finalizando várias vezes com muito perigo ao gol de Provedel, que fez muitas defesas importantes, apesar da falha no primeiro gol.


20 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page