google.com, pub-5142149462024594, DIRECT, f08c47fec0942fa0 google.com, pub-5142149462024594, DIRECT, f08c47fec0942fa0
top of page

Análise final do DRAFT da NBA

Quem foram os melhores prospectos, quem se deu bem, quem fez escolhas equivocadas - confira notas posição por posição


O Draft da NBA sempre é realizado logo após o término dos playoffs, dando assim continuidade as demandas das franquias, nesse evento os times disputam os jovens oriundos das universidades ou que tenham jogado pelo menos um ano como profissional em qualquer liga do mundo.


Esse ano os holofotes estão voltados para Victor Wembanyama, francês de 19 anos, que, com certeza, deve ser a primeira escolha geral do Draft, vem sendo cotado como um talento geracional.


Foto: Aurelien Meunier


Escolhas:


Pick #1 - Victor Wembanyama - San Antonio Spurs - Nota: A+


- Talento geracional, está pronto para o jogo, espera-se que o Spurs faça alguns exames para ter 100% de certeza que sua estrutura óssea aguentará o ritmo de jogo da NBA. Além de surpreender pela altura, Victor também demonstra habilidade de sobra com a bola na mão, seja driblando ou sendo ágil, excelente arremessador (stretch four), além de um basketball IQ acima da média, e um espaçador vertical de elite.


Pick #2 - Brandon Miller - Charlotte Hornets - Nota: C


- Grande destaque da evolução do programa de basquete na Universidade do Alabama, Brandon Miller, fã de Paul George, tem apenas 20 anos e chega como um dos melhores chutadores dessa classe. Combinação de tamanho e capacidade atlética, defesa e a criação de jogadas que o tornam especial. Deve causar impacto dos dois lados da quadra, mas ainda precisa lapidar seu jogo de transição, ganhar massa e cuidar de problemas extra quadra.


Pick #3 - Scoot Henderson - Portland Traill Blazers - Nota: A


- O ala de, apenas, 19 anos era projetado como segunda escolha geral, mesmo caindo para a terceira posição caiu no lugar certo. Scoot Henderson tem todos os atributos e se definiu como um viciado em treinos e é disso que o Blazers precisa, alguém que chegue e cause impacto direto na quadra, com seu atleticismo fora de base, a sua impulsão, força, aceleração, controle corporal, fazem dele um definidor de jogadas de elite - um verdadeiro showman, defensor sólido que deve contribuir dos dois lados da quadra.


Pick #4 - Amen Thompson - Houston Rockets - Nota: B+


- Amen Thompson é tudo que você pode esperar de um atleta elite. Combinação rara de força, explosão, impulsão e velocidade. Dão a ele capacidades imensuráveis, aliados a sua altura de 2,01m e envergadura de 2,13m o coloca como um dos jogadores mais altos e longos da posição, a velocidade o ajuda muito em quebra de posições e transição, que vai ser um grande problema para defesas e é uma dupla ameaça por ser um ala ambidestro.


Pick #5 - Ausar Thompson - Detroit Pistons - Nota: B-


- Ausar Thompson tem dimensões que o ajudam a atuar em qualquer posição do perímetro tornando-o mais que um combo guard, mas também um combo ala, talvez ainda não seja do mesmo nível do irmão, Amen Thompson, mas também é um atleta de elite, corre a quadra com leveza, mostra muita disposição para o jogo de contato, tem facilidades para fazer quebras na quadra e pontuar perto da cesta, se mostrou um excelente reboteiro para um ala-armador e, depois de alguns ajustes no seu arremesso, apresentou grande melhora significativa.


Pick #6 - Anthony Black - Orlando Magic - Nota: C+


Pick #7 - Bilal Coulibaly - Washington Wizards - Nota: B


Pick #8 - Jarace Walker - Indiana Pacers - Nota: A-


Pick #9 - Taylor Hendricks - Utah Jazz - Nota: B-

Pick #10 - Carson Wallace - Oklahoma City Thunder - Nota: B-


Pick #11 - Jett Howard - Orlando Magic - Nota: C


Pick #12 - Derrick Lively II - Dallas Mavericks - Nota: C


Pick #13 - Gradey Dick - Toronto Raptors - Nota: A


Pick #14 - Jordan Hawkins - New Orleans Pelicans - Nota: B


Pick #15 - Kobe Bufkin - Atlanta Hawks - Nota: C-


Pick #16 - Keyonte George - Utah Jazz - Nota: B+


Pick #17 - Jalen Hood-Schafino - Los Angeles Lakers - Nota: B+


Pick #18 - Jaime Jaquez Jr. - Miami Heat - Nota: C


Pick #19 - Brandin Podziemski - Golden State Warriors - Nota: A-


Pick #20 - Cam Whitmore - Houston Rockets - Nota: A+


Pick #21 - Noah Clowney - Brooklyn Neta - Nota: C


Pick #22 - Dariq Whitehead - Brooklyn Nets - Nota: C


Pick #23 - Kris Murray - Portland Trail Blazers - Nota: B


Pick #24 - Olivier Maxence Prosper - Dallas Mavericks - Nota: B


Pick #25 - Marcus Sasser - Detroit Pistons - Nota: C


Pick #26 - Ben Sheppard - Indiana Pacers - Nota: B-


Pick #27 - Nick Smith Jr. - Charlotte Hornets - Nota: A


Pick #28 - Brice Sensabaugh - Utah Jazz - Nota: B+


Pick #29 - Julian Strawter - Indiana Pacers - Nota: C+


Pick #30 - Kobe Brown - Los Angeles Clippers - Nota: B-


E assim fechamos todas as avaliações do primeiro round do Draft de 2023 da NBA.


Agora, nos próximos dias, começa a free agency e o Dimensão Esportiva está a todo vapor para trazer uma ótima cobertura para vocês.


*As opiniões aqui emitidas são de total responsabilidade de seus autores e não necessariamente refletem a opinião do Dimensão Esportiva.






45 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page